Pesquisar este blog

segunda-feira, 20 de junho de 2011

CAPTAÇÃO DE ÁGUA



EU COMO ARQUITETA E URBANISTA NÃO POSSO DEIXAR DE INFORMAR A POPULAÇÃO SOBRE ESTES RECURSOS QUE NÃO PODE DEIXAR DE SER USADO POR NOS TODOS A NATUREZA AGRADECE E MUITO.
O uso racional da água é uma necessidade pois a cada dia ela se torna um bem mais escasso devido ao aumento de consumo. Somente cerca de 1% da água do mundo é doce e adequado para consumo humano, sendo que grande parte desta está localizada em aqüíferos profundos. Em alguns países, a água que alimenta o vaso sanitário e serve para descarga, provém de outros locais da residência como máquina de lavar roupas, banho ou é captada da chuva.
O armazenamento da água de chuva provavelmente implicará na instalação de calhas, tubulação e reservatório no térreo, usando o escoamento proporcionado pela gravidade. Nada impede, todavia, que sejam feitas instalações para seu armazenamento em níveis intermediários. Por exemplo, pode-se colocar a caixa d'água na altura do primeiro andar (se houver), coletar a água do telhado do segundo andar e usá-la no térreo, evitando, eventualmente, a necessidade do uso de bombas hidráulicas. O uso desta água para abastecer todos os aparelhos sanitários no interior da residência pode ser complicado devido à necessidade de instalação específica em uma edificação em uso. No caso da instalação de reservatório no térreo será necessária a existência de uma bomba, seja para pressurizar uma rede de uso direto ou para recalcá-la para o reservatório superior.
Mesmo que o custo de instalação e operação não seja rentável a curto prazo, vale considerar que a médio prazo, com o aumento da escassez, o preço da água deve continuar aumentando e seu investimento pode ser interessante nos próximos anos.
Postar um comentário